PROJECTO GUINÉ-BISSAU CONTRIBUTO

10.05.2003

didinhocasimiro@gmail.com

   CIDADANIA  -  DIREITOS HUMANOS  -  DESENVOLVIMENTO SOCIAL

 

      Cidadania e Direitos Humanos | Desenvolvimento Social | Turismo e Meio Ambiente |

O MEU PARTIDO É A GUINÉ-BISSAU!

Continuamos a trabalhar por uma Guiné-Bissau Positiva!

Não aceitemos mais, enquanto guineenses, que uns e outros, a bem dos seus interesses, nos dividam, enfraquecendo-nos; nos intriguem virando-nos uns contra os outros, quando o que está em causa é o interesse nacional, quiçá, a soma dos interesses de todos os guineenses e não apenas, de um grupo ou grupos de guineenses! A Guiné apenas precisa do compromisso dos seus filhos para que tudo o "resto" seja uma realidade! Didinho 10.04.2014

OS NOSSOS JOVENS: ENTRE A ARROGÂNCIA E A HUMILDADE 27.07.2014

O GOVERNO NÃO TEM PODERES LEGAIS PARA INTERFERIR EM ASSUNTOS DA EXCLUSIVA COMPETÊNCIA DA FEDERAÇÃO DE FUTEBOL DA GUINÉ-BISSAU 27.07.2014

Dr. José Ramos-Horta, Representante Especial do Secretário-Geral das Nações Unidas para a Guiné-BissauX CIMEIRA DE CHEFES DE ESTADO E DE GOVERNO DA CPLP - DISCURSO DE JOSÉ RAMOS-HORTA 23.07.2014

E OS PROMOTORES AFRICANOS, PROFESSOR DOUTOR ADRIANO MOREIRA?! 23.07.2014

Escolhemos a via do benefício da dúvida e do apoio às nossas novas autoridades legitimadas pelo nosso povo. Mantemos o compromisso assumido recentemente, cientes de que, também temos o nosso papel, a nossa responsabilidade, enquanto cidadãos/governados, de "fiscalizar" a acção dos nossos governantes e de fazer em tempo oportuno, sempre que se justificar, a nossa avaliação crítica sobre a situação política e social do nosso país, a Guiné-Bissau. Didinho 22.07.2014

A PROPÓSITO DA SOLIDARIEDADE DA CPLP 22.07.2014

A HIPOCRISIA DA CPLP (2) 21.07.2014

Um erro imperdoável.
A Comunidade dos Países de Língua oficial Portuguesa (CPLP) assenta de facto a sua essência na língua portuguesa, mas
não nos valores portugueses, como erradamente referenciou o governante português.
Ou será que os de
mais países lusófonos (e não portugueses) não se regem por valores das suas referências culturais, sociais, políticas e outras, das suas particularidades enquanto Estados unitários e soberanos?
Uma coisa é a língua portuguesa e outra coisa são os valores portugueses.
Assim penso. Corrijam-me se acharem que estou errado. Obrigado
Didinho 20.07.2014

Campos Ferreira Comunidade está muito para além da economia

UM APELO, UMA INSPIRAÇÃO, UM CONTRIBUTO 20.07.2014

É NECESSÁRIO PROMOVERMOS A GUINENDADI PELO MUNDO FORA 19.07.2014

Juntos fomos sempre mais fortes, mais expressivos e mais abrangentes; juntos conseguiremos alcançar todos os objectivos da complexa Missão a que nos propusemos desde a primeira hora, em prol da nossa Guiné-Bissau e do nosso povo!
Juntos podemos mudar positivamente a Guiné-Bissau!
Didinho 17.07.2014

PROJECTO GUINÉ-BISSAU CONTRIBUTO - APELO 17.07.2014

NOTE D´INFORMATIONS SUR L´ÉTAT D´AVANCEMENT DU PE DE JUILLET 2014 - OMVG

INVESTIMENTO NA GUINÉ-BISSAU 17.07.2014

ORGULHO 16.07.2014

A TRANSPARÊNCIA, COMO PRINCIPAL REFERÊNCIA DA BOA GOVERNAÇÃO 15.07.2014

A situação na Guiné-Bissau

Fernando Casimiro (Didinho)Ao longo dos anos, desde 10.05.2003 quando criei o Projecto Guiné-Bissau CONTRIBUTO nos momentos de desgaste (também os tenho) independentemente das suas origens/causas, foi pelo incentivo/reconhecimento, "palmadinha nas costas" de poucos, mas bons amigos e irmãos, que consegui sempre, recuperar forças e a auto-estima para seguir em frente. Quando os meus poucos mas bons amigos e irmãos se sentem orgulhosos do meu trabalho, do meu percurso, em prol da causa comum que é a Guiné-Bissau (não estou a falar da minha vida pessoal/profissional) e me manifestam esse orgulho, só posso entender isso como mais motivação para melhor desempenho de causa. Não tenho nada, materialmente falando, para oferecer a quem quer que seja. O Projecto Guiné-Bissau CONTRIBUTO nunca recebeu um tostão de nenhuma autoridade ou instituição, mas também, nunca pagou a nenhum colaborador que se disponibilizou a partilhar os seus contributos em prol do nosso país e do nosso povo. Por isso, não vejo nenhum reconhecimento do meu trabalho, como sinónimo de adulação. Ninguém precisa de concordar ou discordar da minha forma de ser e de estar, expressa através do meu pensamento. Não sou poder, nem tenho influência nos meandros do poder. Sou um cidadão que vive honestamente do seu trabalho no dia-a-dia, com dificuldades, mas com dignidade, como todos os que não sendo "milionários" têm que "vergar a mola" e viver do fruto do rendimento do seu honesto trabalho! Muito obrigado aos meus bons amigos e irmãos/ minhas boas amigas e irmãs, que há onze anos me têm dado forças para continuar a trabalhar! Didinho 14.07.2014

M´bana N´tchignaELEIÇÃO GUINEENSE NÃO FOI TRANSPARENTE!? 09.07.2014

O PRESENTE E O FUTURO DA GUINÉ-BISSAU - UMA LUZ AO FUNDO DO TÚNEL 09.07.2014

Fernando Casimiro (Didinho)Aos quadros nacionais, sobretudo aos nossos promissores jovens, residentes na Guiné-Bissau, vai o apelo no sentido de aproveitarem a oportunidade que o sector privado potencia, para se lançarem como empreendedores de um sem número de possibilidades e oportunidades de negócios que lhes permita prosperar, como também, contribuir para a dinamização da economia nacional. Não podemos, nem devemos continuar à espera de todos sermos inseridos na função pública, seja como ministros, secretários de Estado, Directores-Gerais etc., etc. Tomem a iniciativa, promovam a dinamização do sector privado, organizem-se, manifestando interesse e participando ao Governo, dos constrangimentos, das carências e necessidades existentes, para que sejam criados mecanismos legais de apoio ao sector privado em geral, e aos jovens empreendedores em particular. Didinho 08.07.2014

SOBRE O NOVO ELENCO GOVERNAMENTAL NA GUINÉ-BISSAU   08.07.2014

Fernando Casimiro (Didinho)O Governo ora constituído e formalizado na Guiné-Bissau, é o Governo que temos e com o qual devemos trabalhar no sentido de juntos: governantes e cidadãos (governados), contribuirmos para uma nova forma de ser, de estar e de agir, tendo em vista obter resultados a bem do progresso do país e do bem-estar das nossas populações!
Independentemente de tudo o que se diz e se sente, o que importa ao país, a meu ver
, não era, não é; não pode, nem deve ser a expectativa criada à volta dos nomes dos ministros ou dos secretários de Estado (e das suas bagagens académicas), mas sim a postura dos cidadãos, no apoio à governação, à boa governação. Quando digo apoio, não estou a dizer que os governados têm que aceitar tudo o que é promovido pelos governantes, mas tão somente que, de elogios a críticas construtivas, passando por sugestões e opiniões de incentivo à inovação e ao desenvolvimento, os governados, enquanto cidadãos com direitos e deveres têm muito a dizer para que a boa governação venha a ser uma realidade na Guiné-Bissau. Foquemo-nos no essencial, que é o país e as nossas populações e não no acessório (fulano ou beltrano que hoje estão no governo, mas que não serão, certamente, governantes para a eternidade). Pensamento Positivo. Vamos continuar a trabalhar!
Didinho 07.07.2014

UM INTELECTUAL VISIONÁRIO 07.07.2014

Fernando Casimiro (Didinho)A questão de fundo, na implicância de toda uma complexidade de factores, residia nas opções, iniciativas e acções, sustentadas por um único propósito, realista e capaz de salvaguardar o INTERESSE NACIONAL, na sua multiplicidade. A argumentação da reposição da normalidade constitucional passava pela condenação do golpe de Estado, mas também, pela busca de respostas consensuais orientadas para a efectivação da retoma da via constitucional na Guiné-Bissau! Didinho 07.07.2014


Fernando Casimiro (Didinho) Quando a Guiné-Bissau perde (e há muito que está a perder), perdem todos os guineenses!

Cultivamos e incentivamos o exercício da mente, desafiamos e exigimos a liberdade de expressão, pois é através da manifestação e divulgação do pensamento (ideias e opiniões), que qualquer ser humano começa por ser útil à sociedade! Didinho

Loading...

Creative Commons License eXTReMe TrackerFree counter and web stats

Última actualização: domingo, 27 Julho 2014 22:46:23 

PROJECTO GUINÉ-BISSAU CONTRIBUTO is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Portugal License.
Based on a work at www.didinho.org . Permissions beyond the scope of this license may be available at didinhocasimiro@gmail.com

PROJECTO GUINÉ-BISSAU CONTRIBUTO © 10.05.2003 Todos os direitos reservados